viuvas

O mercado vem sofrendo fortes mudanças e os elementos digitais estão no cerne dessa revolução.

Os consumidores atualmente andam de cabeça baixa, mas não é tristeza por causa da crise, e sim por estarem cada vez mais concentrados em seus smartphones, onde as empresas também deveriam estar.

Os números de queda no faturamento, aumento de inflação, endividamento pessoal e inadimplência vem crescendo cada dia mais no comércio, e ainda assim os empresários continuam apostando nas mesmas ações do passado e esperando que o cenário mude.

Quer uma dica? Essa situação não irá mudar se você não mudar.

O cenário atual não admite amadores.

Se você não possui indicadores, não define objetivos e metas estratégicas, não elabora um simples fluxo de caixa ou se quer sabe como iniciar um planejamento, tenho duas notícias para você, uma boa e outra ruim: A má notícia é que as coisas vão começar a ficar cada vez mais difíceis. A boa notícia é que para tudo tem um jeito (rsrs) e o primeiro passo é começar a investir seu tempo em planejamento.

Planeje a sua empresa, seu projeto ou sua carreira com objetivos concretos. Crie indicadores para cada uma desses objetivos e acompanhe esses indicadores, invista em conhecimento e procure estar atento a que a tecnologia pode desenvolver ao seu favor.

Antecipe-se (ou melhor, recupere o tempo perdido) e não espere fechar as portas para continuar chorando como as atuais viúvas da crise.

Não dá para colher os frutos de uma árvore que você ainda não plantou.